• Larissa Gobbo

Sustentabilidade motorizada

Que carros elétricos eram uma realidade já era sabido. Agora, carros esportivos híbridos, elétricos e a combustão, era uma realidade que até então estava só no papel, mas no início do mês de maior foi enfim apresentado o famoso projeto de uma montadora alemã, apresentado anos antes num salão de automóveis e que deve chegar ao Brasil no segundo semestre de 2015.


Mais um grande passo para o controle das emissões atmosféricas e gases tóxicos no planeta e, principalmente se junto com isso houver uma mudança de política e de mercado, para estruturar a recepção e a aceitação de um conceito tão imprescindível e necessário, haja visto os efeitos tão sentidos nos grandes centros urbanos, seja pela inversão térmica ou smog químico, responsáveis pela camada cinza escura no horizonte, ou então pela incidência e gravidade de doenças e alergias de origem respiratórias, que ano a ano só aumento em proporções inaceitáveis.

A solução misteriosa? Mudança no entendimento e valores do alto escalão da empresa e que resultou na evolução e melhoria da tecnologia: um motor inteligente, mais eficiente e não poluidor. Esse é o "segredo"...
BMW Vision EfficientDynamics é um híbrido 'plug-in' (Foto: Reuters)

Eis ai o tão falado esportivo e nesse início de semana do meio ambiente, fica a lembrança de que já passou da hora de mudarmos paradigmas e entendermos que talvez o tempo onde acumular bens e valores era o mais importante tenha chegado a um momento decisivo e precisa dar espaço a uma preocupação de interesse em prol de um bem maior. Afinal, precisarmos de uma "casa" para morar, viajar, desfrutar, conhecer e explorar lugares, não?


Resta agora saber qual o real interesse dos políticos em criar regras para estruturar nosso mercado e dar um grande passo rumo à sustentabilidade de uma das maiores frotas automobilísticas do mundo. E, claro, o valor de venda do carro de R$ 370 mil (EUA) aqui no mercado brasileiro.


#carroshibridos #carroseletricos #cidadessustentaveis #problemasurbanos

© 2017 por Gobbo Projetos e Consultoria. Com todos os direitos reservados.